Encerramento do Estudo do Livro do Apocalipse de João

Clique aqui  e veja as demais fotos!

Esta é a revelação de Jesus Cristo: Deus a concedeu a Jesus, para ele mostrar aos seus servos as coisas que devem acontecer muito em breve. Deus enviou ao seu servo João o Anjo, que lhe mostrou estas coisas através de sinais. (Ap 1,1)

Assim começa o livro do Apocalipse de João. Esse livro foi objeto de estudo no período de 06 de agosto a 26 de novembro de 2015 na sala do CEBI-ES. O estudo contou com a participação média de 17 a 25 pessoas e foi facilitado pela equipe composta por Irmã Luiza, Eliete e Bimbo. Além dessa equipe, também tiverem uma participação expressiva no início do estudo os companheiros Claudio Vereza e Perly Cipriano, que ajudaram a esclarecer pontos importantes sobre a ditadura militar no Brasil, fazendo um paralelo com a dominação do império romano no final do primeiro século da Era Comum.

O estudo transcorreu de forma bem dinâmica e seguindo um modelo de estudo dirigido. Cada capítulo estudado, cada símbolo que foi esclarecido, era um passo gigantesco para um maior entendimento da literatura apocalíptica. Os trabalhos em grupos, as leituras e discussões partilhadas ajudou no envolvimento e interação dos participantes, possibilitando um estudo tranquilo, agradável e nada cansativo, apesar das pessoas virem diretas do seu trabalho.

Segundo os participantes o estudo ajudou muito a desmitificar e esclarecer os mitos e medos aprendidos sobre esse livro. Símbolos como o dragão, a besta-fera, os quatro cavaleiros, os selos, as trombetas, o livro da vida, os 144.00 mil escolhidos, o número da besta (666), foram sendo esclarecidos ao longo do estudo e possibilitando a compreensão do texto do livro. O envolvimento dos participantes foi fundamental para o sucesso do estudo

Apocalipse é texto de esperança e resistência em época de perseguição e dominação de impérios. Durante o estudo juntos, participantes e equipe facilitadora, fomos descobrindo como que o texto, com seus símbolos “horríveis?” tornam-se fonte de esperança na permanência no seguimento do projeto de Deus trazido por Jesus, o Cordeiro. Neste projeto o mundo de cima, governado por Deus e pelo Cordeiro é mais forte e mais poderoso do que os dominadores do mundo de baixo, o dragão e a besta. A vitória é do cordeiro e não da besta.

Assim foi desenvolvido e concluído o estudo sobre este belíssimo livro que traz sempre e cada vez mais esperança para o povo sofrido das comunidades. E assim podemos dizer, ao final do estudo: “aquele que atesta essas coisas diz ‘Sim! Venho muito em breve’. Amém! Vem, Senhor Jesus! (Ap 22,20).