Além de salvar vidas, bombeiros levaram 50 toneladas de alimentos às vítimas das chuvas no ES

O Corpo de Bombeiros Militar do Espírito Santo apresentou nesta quarta-feira (5) o relatório operacional com as ações desenvolvidas durante as chuvas que atingiram o Estado no mês de dezembro. De acordo com a publicação, mais de três milhões de pessoas (cerca de 90% da população capixaba) foi afetada pelas chuvas em 55 municípios. Apesar da tragédia, a corrente de solidariedade também foi significativa: as equipes de socorro transportaram mais de 50 toneladas de mantimentos e donativos às vítimas das chuvas logo após a tragédia.

Segundo o documento, a ação humanitária contou com a participação de 1.100 militares do CBMES, 85 viaturas e 32 embarcações para auxiliar os municípios afetados. Esse efetivo foi reforçado com a mobilização de mais 500 pessoas da Polícia Militar capixaba, Polícia Rodoviária Federal, Força Aérea Brasileira, Exército, Marinha, polícias do Rio de Janeiro e São Paulo, além de equipes de saúde do Governo Federal e das secretarias de governo do Estado.

Para atender às vítimas, foram empregadas 114 viaturas, 54 embarcações, três aviões, 11 helicópteros e quatro estações de radioamador em locais com dificuldade de comunicação. Mais de 1.000 pessoas enfermas ou com necessidades especiais foram transportadas pelas equipes durante a tempestade.

Durante o evento de apresentação do relatório, o comandante geral do Corpo de Bombeiros, coronel Edmilton Aguiar, agradeceu as doações arrecadadas durante o período de temporal, bem como a todos que contribuíram para o socorro às vítimas das chuvas. A solenidade contou com a participação do vice-governador, Givaldo Vieira, que destacou as ações do governo para mitigar os danos causados pelas enchentes e a criação do plano de reconstrução do Estado.



Compartilhe nas Redes Sociais